segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Todos precisamos de um PAI


"E Elias disse: Fica-te aqui, porque o SENHOR me enviou ao Jordão. Mas ele disse: Vive o SENHOR, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim ambos foram juntos" 2Rs 2:6


Hoje um grande amigo, que ao longo dos anos tem sido como um pai em minha vida, pediu o endereço do blog a mim. Enquanto eu escrevia o endereço a ele, lembrei-me que ha um bom tempo não colocava mais minhas reflexões no blog, acho que desanimei por ver que poucas pessoas acessam. Entretanto, esse interesse pelo blog acabou trazendo de volta a motivação para postar aquilo que Deus tem falado diariamente comigo nos devocionais. E para começar (ou recomeçar) quero falar justamente desse amigo.

Deus me mostrou através da vida de Elias e Eliseu, como é importante termos um referêncial, alguém que podemos nos espelhar e aprender, assim como ele tem sido em minha vida.

Quando analisamos toda a palavra de Deus, vemos um ciclo que gira em torno da paternidade.Todo grande homem de Deus, cuidou de alguém como pai e esse alguém formou a outros. Moisés e Josué, Elias e Eliseu, Jesus e os discípulos, Paulo e Timóteo, etc. Essa unção de paternidade que encontramos na palavra de Deus, nos ensinam três coisas:


1º O AMOR É CARACTERÍSTICA FUNDAMENTAL: Elias precisava amar muito a Eliseu para não se stressar com ele, já que Eliseu era persistente. Jesus, mesmo quando repreendia os discípulos, fazia com amor.

2° QUEM QUER APRENDER TOMA INICIATIVA: Não era Elias que chamava Eliseu, mas Eliseu que não queria se separar de Elias. Jesus chamava os discípulos, mas deixava bem claro que aquele que quisesse servir, precisava deixar tudo e seguí-lo.

3ºPAI E FILHO NÃO SE SEPARAM: Eliseu não deixou Elias até que ele fosse levado aos céus, eles andavam juntos. Josué esteve andando com Moisés até sua morte.
Unidade é a chave para o crescimento em Deus, porque todos passamos por lutas e é nesse momento que precisamos de alguém que seja boca de Deus em nossa vida, nos consolando e ajudando. Mas, também devemos ser esse ombro, muitas vezes para a mesma pessoa que nos ajudou. Afinal, tempestade é um privilégio de todos, mas vencê-las são para aqueles que andam em unidade, porque É NA UNIDADE QUE DEUS ORDENA AS BENÇÃOS E NA PATERNIDADE QUE DEUS DESENVOLVE O CRESCIMENTO.

Nenhum comentário: