terça-feira, 21 de setembro de 2010

Além das tempestades


"Porventura fixarás os teus olhos naquilo que não é nada? porque certamente criará asas e voará ao céu como a águia". Pv 23:5

Esse versículo representa tudo aquilo que o Senhor ministrou em meu coração, no meio de um vôo para o Rio de Janeiro que fiz pela empresa que trabalho.
Deus me mostrou como perdemos nosso tempo preocupando-se com coisa tão insignificantes, rendidos diante de muralhas aparentemente intransponíveis, quando na realidade o anseio do coração de Deus é nos levar ainda mais alto, acima de todas essas coisas, mais perto d'Ele.
Naquela manhã, o tempo estava muito nublado e chovia na cidade de Campinas. Decolamos e logo já estávamos atravessando aquelas nuvens escuras. Depois de alguns minutos , a luz do sol começou a entrar pela janela do avião e um lindo céu azul surgiu acima daquelas nuvens. Nesse momento o Senhor começou a falar comigo que atravessar tempestades é algo inevitável, mas todas as tribulações não são NADA diante do que Ele tem pra nossas vidas.
É necessário passar pelas nuvens de tempestade para encontrar o lugar mais alto, a intimidade do Senhor, onde sua Glória brilha sobre nossas vidas e nos faz voar como águias.
Subir mais alto, significa continuar buscando, mesmo enquanto o céu ainda está nublado. É quando você percebe que quanto mais você ora, maior o problema vai ficando.
Se a sua tempestade parece estar cada vez maior, isso significa que agora você está passando no meio dela. Portanto, continue caminhando e logo estará acima desse problema, com asas, voando cada vez mais alto.