sábado, 30 de outubro de 2010

Menos pra mim!


" E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou a Jó outro tanto em dobro a tudo quanto dantes possuía". Jó 42:10

Nesses últimos dias, Deus tem me feito avaliar com cuidado, qual tem sido a minha oração mais frequente e o resultado tem me surpreendido muito.

Percebi que tenho gasto muito tempo de minha oração "pedindo" coisas, seja de ordem material, realização de sonhos e projetos, um namoro ou até mesmo espiritual. Quando falo de "pedir" no espiritual, estou me referindo as vezes que entramos na presença de Deus para Adoração e de repente estamos pedindo para que Ele venha, faça algo e se manifeste em nossas vidas.

Na realidade, Adoração não é pra você "pedir" pela presença de Deus, mas "atrair" a presença de Deus. Ou seja, Deus não tem obrigação de se manifestar a nós, mas Ele é atraido pela Adoração apaixonada de seus filhos.

Não estou dizendo que não devemos pedir pra que o Senhor venha e faça algo em nossas vidas, afinal, a própria Bíblia diz que o Espírito e noiva dizem: "Vem!". Mas o que o Senhor me incomodou, é que nos acostumamos a usar petições em todas as nossas orações, quando na realidade, Deus se alegra com ações de graça, com um povo que reconhece quem Ele é e investe tempo simplesmente dizendo o quanto O ama, sem pedir nada em troca.

Nenhum pai deseja que seu filho entre em sua presença apenas para apresentar sua "lista de presentes". E se a sua próxima oração for para perguntar a Deus o que Ele precisa de você?? Ou pra dizer o quanto você ama a Deus e está disposto a morrer por esse amor??

O que alegra o coração de Deus é ver um filho se oferecendo para dedicar sua vida ao reino, quando o Senhor sabe que Ele é o que mais precisa de uma ajuda, uma oração ou um milagre. Foi assim com Jó, ele ainda estava na lama quando o Senhor pediu que ele orasse por seus amigos e naquele exato momento, Deus restituiu em dobro tudo que ele tinha perdido.

Esta palavra pode parecer dura pra você, como também foi pra mim, mas é exatamente isso que Deus espera de nós. Parar de reclamar e agradecer, de pedir e oferecer, de acusar e perdoar, parar de se preocupar e ter fé, parar de chorar e se alegrar. Porque mesmo quando você não diz nada, o Espírito Santo intercede por você e quando você cuida das coisas de Deus, ele cuida das tuas.

Ele sempre tem o controle!


“Nas suas mãos estão as profundezas da terra, e as alturas dos montes são suas”. Sl 95:4


O mundo todo acompanhou recentemente o caso dos 33 mineiros que ficaram presos dentro de uma mina no Chile. O que me impactou bastante em toda essa história, foi descobrir que parte deles saíram de lá com uma camiseta, onde esse versículo estava estampado junto a uma frase de agradecimento a Deus pela fidelidade. Só então comecei a meditar na profundidade das palavras do salmista nesse versículo.


Ficar presos em uma mina ha vários metros da superfície é certamente uma situação que somos tentados a acreditar que não existe solução. Entretanto, a forma milagrosa como foram salvos e a tranqüilidade com que saíram daquele lugar deixa claro que o Senhor esteve no controle o tempo todo e o milagre dos mineiros chilenos é um testemunho para as nações da soberania e autoridade de Deus.


Em nossa vida, passamos por momentos tão desesperadores, que parece que o Senhor se esqueceu ou não pode agir a nosso favor. Na realidade isso é um grande engano do inimigo, porque não importa onde a gente estiver, o Senhor estará sempre no controle, e agindo em favor daqueles que são fiéis a Ele.


Vi uma vez em algum lugar, que existe uma mola no fundo do poço. Acredito que realmente tem e essa mola é a graça de Deus que tira da lama e exalta aquele que se encontra abatido, ferido e humilhado.


Entenda que seu trabalho, sua escola, sua família e tudo aquilo que te cerca, pertencem a um Deus que te ama tanto, que moverá céus e terra para abençoar a sua vida.
Não importa se está tudo indo muito bem ou se você tem passado por grande tribulação, nunca se esqueça que Ele sempre tem o controle.